OFICIAL | Prefeitura poderia conceder até 15% de reajuste, mas prejudica Servidor

O Sindicato durante visita de base nos dias 12 e 13 de julho, quando nossos diretores foram entregar o mais recente informativo da entidade, constatou mais uma vez a insatisfação dos Servidores com os seus salários. Os trabalhadores já acumulam três anos sem reajuste e hoje a dívida da Prefeitura com a categoria está em quase 20%. Ou seja, são anos sem conceder um merecido aumento para o funcionalismo municipal de Itapecerica da Serra.

Infelizmente, tudo subiu. O gás está caro, a gasolina alçou, os supermercados assaltam nosso bolso e o Servidor, atualmente, tem muita dificuldade para se manter. A Prefeitura poderia conceder, pelo menos, 15% de reajuste salarial, conforme foi constatado pela equipe técnica do SFPMIS na publicação da “Imprensa Oficial” de 30 de maio de 2022 – os gastos com folha de pagamento estão em apenas 42%.


ENTENDA: se o prefeito Nakano concedesse 15% de reajuste a todos os Servidores, no final de 2022, os gastos com folha não ultrapassariam os 46% – TUDO CONTINUARIA DENTRO DA LEI. É difícil de aceitar tanto descaso!

PRESIDENTE ADALBERTO FÉLIX

Solicitaram ao SFPMIS provas reais por meio dos números de que a Prefeitura teria condições de reajustar os salários de toda a categoria. Atenção, secretários: querem provas maiores? A ‘Imprensa Oficial’ do município confirmou: TEM CONDIÇÕES SIM! Ou seja, vocês sempre tiveram os números reais. Falta vontade política para atender o Servidor. Falta respeito e compromisso com uma categoria tão compromissada em seu trabalho diário. O bom funcionamento do município se deve ao Servidor.”

CLIQUE AQUI E LEIA NA ÍNTEGRA